PS3 entra para o Guinness

sony_playstation_3.jpg

Inclusão do console da Sony em projeto científico ajudou a quebrar barreira do petaflop.O PlayStation 3, console de última geração da Sony, foi reconhecido pelo Guinness, popular livro sobre recordes mundiais, como integrante da mais poderosa rede de computação distribuída do planeta, informou o site Daily Tech.

A façanha foi alcançada graças à participação do console de última geração da Sony no projeto científico de análise de dobraduras de proteínas chamado Folding@home, da Universidade de Stanford. Tal participação foi e registrada em 21 de setembro, quando a rede criada ultrapassou a marca de um petaflop – medida de velocidade de processamento equivalente a mil teraflops ou ainda mil trilhões de flops (“floating point operations” – operações matemáticas de ponto flutuante).

“Ter o Folding@home reconhecido pela publicação Guinness World Records como a rede de computação distribuída mais poderosa do mundo é um reflexo da extraordinária participação de jogadores e consumidores ao redor do planeta, e estamos muito gratos por isso”, disse professor de química de Stanford, Vijay Pande, líder do projeto.

De acordo com o vunet.com, o Cell Broadband Engine – chip desenvolvido em parceria por Sony, Toshiba e IBM que conta com seis elementos de processamento extremamente rápidos – permite que os cientistas façam grandes progressos no estudo do enovelamento de proteínas e sua ligação com doenças como os Males de Alzheimer e Parkinson, além de certos tipos de câncer.

“Está claro que nenhum dos avanços conseguidos em nossos estudos sobre várias doenças diferentes teria sido remotamente possível sem o poder do PS3; que fez os recursos de nossa pesquisa crescerem com uma rapidez surpreendente”, avaliou Pande.

Até recentemente, o programa Folding@home usava somente o poder computacional ocioso de computadores pessoais de usuários ao redor do mundo, acrescentou o vunet.com. A inclusão do PS3 no projeto, em 15 de março desse ano, contribuiu para que mais de 670 mil usuários do console se juntassem à iniciativa, possibilitando a quebra da barreira do petaflop.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: